Dicas de Planejamento Financeiro


Como Economizar?


- Inicialmente é preciso conhecer os seus gastos diários;

- Faça uma lista de prioridades de consumo e estipule o valor que você pode gastar em cada uma delas;

- Opte sempre por pagamentos à vista. Portanto, se não tiver o valor total do bem, poupe antes de comprar;

- Acabe com as compras feitas por impulso. Para isso, pense duas vezes antes de comprar algo;

- Reduza a quantidade de cartões de crédito, carregue-os com você somente quando necessário.


Como Sair do Vermelho?


- A palavra de ordem é economizar. Use o Meu Saldo Positivo para organizar suas receitas e despesas e saber para onde está indo o seu dinheiro e o que pode ser cortado;

- Organize suas dívidas. Veja quais são as que cobram juros mais altos e aquelas que já estão vencidas;

- Converse com seus credores, negocie. Deixe claro que sua intenção é quitar a dívida;

- Elabore um plano radical de enxugamento de gastos, na maior intensidade possível, para que a dívida seja amortizada de uma vez. Quanto mais intenso for o corte de gastos, menor será o tempo que você ficará nessa situação.


Consumo Consciente


- Reflita sobre suas reais necessidades e tente consumir menos;

- Planeje suas compras. Procure comprar menos e melhor;

- Busque sempre a melhor relação entre preço, qualidade e atitude social em produtos e serviços oferecidos no mercado;

- Avalie sempre o impacto que cada compra não programada terá no seu orçamento;

- Use crédito com responsabilidade. Pense bem se você poderá pagar as prestações e só faça dívidas se ela trouxer melhorias em sua qualidade de vida.


Compras no Supermercado


- Tenha sempre uma lista de compras em mãos, de preferência, separada por segmentos - assim você andará menos dentro do supermercado e evitará cair em tentação ao ver tantas coisas gostosas ou em promoção;

- Nunca vá ao supermercado com fome - desta forma você evita compras feitas por impulso;

- Pesquise e compare preços - nem sempre o supermercado mais cômodo e atraente é o mais barato, e isso faz uma grande diferença no fim das contas;

- Vá sozinho ao supermercado - acompanhantes, como filhos e cônjuges, contribuem (e muito!) para as compras feitas por impulso.


Presentes X Orçamento


- Tenha em mente que gastos com presentes não devem ultrapassar 5% de seu orçamento pessoal;

- Não deixe que a emoção de agradar alguém de quem você goste atrapalhe sua razão e faça um “rombo” em seu bolso. Presente caro não é sinônimo de demonstração de carinho e amor;

- Pague sempre à vista e peça desconto. Evite uso do cartão de crédito e parcelamentos a perder de vista;

- Analise o estilo de vida da pessoa presenteada e use a criatividade para escolher algo que a agrade e que seja compatível com o seu orçamento.


Finanças em Casal


- Discuta sobre as finanças do casal: apesar de não ser nada romântico, definir a melhor forma de administrar o orçamento da família é essencial;

- Defina prioridades e objetivos financeiros em família. Todos devem estar envolvidos no controle do orçamento, no corte de despesas e na poupança para alcançar um objetivo maior;

- Lembre-se das vantagens financeiras da vida em casal: é possível dividir as despesas e ter mais disciplina no controle dos gastos se houver apoio mútuo;

- Nunca se esqueça de poupar parte da renda do casal para imprevistos.